Tatuar o corpo é um costume antigo e há indícios que a arte vem sendo praticada na Eurásia desde o período do Neolítico (4.000 a 2.500 a.C.). Seja definitiva ou temporária, todos sabem que são necessários certos cuidados ao praticar esse tipo de modificação corporal, como por exemplo escolher bem o desenho e a região do corpo onde ele será aplicado, além, é claro, de exigências mínimas de higiene para evitar inflamações.

Assim, fica fácil perceber que certos tatuadores cobram um pouco mais pela sessão, já que produzem artes próprias e personalizadas para o cliente, atuando como verdadeiros artistas. Também não são raras as notícias de empresas que pagaram caro para ter suas marcas tatuadas no corpo de pessoas desesperadas por alguns milhares de dólares. Mas uma companhia sul-africana decidiu um pouco além e gastar quase 1 milhão de dólares para promover seus produtos com uma tatuagem.

tatuagem mais cara do mundo

A tatuagem mais cara do mundo foi feita com 612 diamantes (Imagem: WRA)

A empresa Shimansky decidiu divulgar seus serviços de corte e polimento de diamantes pregando 612 dessas pedras preciosas, de meio quilate cada uma, nas costas e ombro da modelo Minki van der Westhuizen.

Tendo sido eleita como a mulher mais sexy da África do Sul pelos leitores da revista masculina FHM, Minki van der Westhuizen permaneceu sentada por 8 horas enquanto os diamantes eram aplicados à sua pele. Felizmente, a tatuagem não era permanente, já que ela dificultava certos movimentos da modelo. Mesmo assim, ela custou bem mais do que aquelas tantos de henna feitas na praia: US$ 924 mil, ou seja, cerca de R$ 2,16 milhões.

Fonte: World Record Academy

Leave a Reply

Your email address will not be published.